Esse tempo todo ...

by - 10:48


Eu tenho depressão;
Disso alguns devem saber, já falei sobre isso algumas vezes aqui em meu blog.
Só que dessa vez a depressão ficou mais forte;
Não quero ser dramática, fazer drama mas não tem como deixar essa doença mais leve,
Não dá para suavizar uma situação que sim, está muito ruim.
Por causa dessa doença estou afastada do blog,
Por culpa dessa doença perdi a vontade de praticamente tudo.
Já estive nessa situação quando a depressão ficou mais forte, pelo menos hoje eu sei lidar com isso melhor só que meu blog, meu espaço está sofrendo com isso e não somente o blog;
Eu venho tentando ganhar dinheiro de alguma forma e então comecei a vender Natura, criei um grupo no Facebook e uma FanPage também só que está difícil atualizar,criar algo então não estou vendendo nada.
Essa doença leva sua vida embora e isso não é drama, é um fato,
A depressão vai levando tudo, tirando sua vontade, sua força, seu animo até não restar mais nada.
Mas fica pior quando não se tem ninguém para lhe dar apoio, carinho, um simples abraço, porque quando você está mal você não precisa de conselhos, dicas, só precisa estar junto, de carinho, apoio, sorrisos.
As pessoas ainda não entenderam;
Elas falam o que você deve fazer para ficar melhor mas esquecem o principal;
O afeto, o amor, o carinho, a amizade.
Sem essas coisas não importa quanta terapia você faça, quanto remédio você tome, não vai funcionar e eu aprendi isso da pior forma possível.
Não é apenas a depressão ou talvez seja uma consequência dela mas, estou mal, com fraqueza, queda de pressão, sem animo para nada, simplesmente não tenho forças, As espinhas depois de muitos anos resolveram voltar mas creio que não é algo normal pois que elas só aumentam, tomaram já rosto, pescoço e costas, sorte que não está tão ruim quanto poderia estar mas mesmo assim para mim é algo ruim porque nunca gostei de passar muita maquiagem e agora estou sendo obrigada a sair sempre de base, corretivo, pó, tudo apenas para tapar manchas e espinhas e em poucas horas já ter a sensação de ter uma mascará no rosto de pura gordura, não é bom.
Também tenho tentado me entender com as plantas aqui, aprender a cuidar delas, a respeitar o tempo delas, entender porque tem doença, praga, o que estou fazendo de errado e o mais importante, ter paciência e entender ainda que não é apenas de beleza que se vive um jardim, que devo cuidar e esperar porque cuidando com amor e carinho o tempo mostra que estou fazendo certo e logo terei um belo jardim.
O blog está desatualizado, não sei ainda por quanto tempo irá continuar assim, espero que com esse pequeno grande post eu consiga voltar aos poucos e fazer o que amo que é escrever.
As coisas ainda estão confusas, muitos problemas, muitas brigas,doenças e não sei como será nem posso dizer que acredito que vai ficar tudo bem porque está cada vez mais difícil de acreditar;
Por agora preciso cuidar da minha saúde física para conseguir me reerguer, o resto quem sabe vem junto.
É fato que a depressão está forte mas não é quem eu sou.
É fato também que como está não pode continuar, que algo tem que mudar...e como eu queria, uma oportunidade, alguém que me visse e acreditasse em mim, me desse uma chance,nesse momento eu literalmente preciso de alguém que me pegue pela mão e me leve onde preciso ir, eu simplesmente não consigo, é assim que estou, é assim que está minha vida.
Esse é o meu diário, minha vida, é o que eu sou, me esperem, eu volto.

You May Also Like

10 comentários

  1. Querida amiga Fer,
    começo este comentário como começaria uma carta.
    Sinto saudade das nossas comunicações e trocas botânicas.
    Fico triste por saber como você está. Sei que para alguns é como se você estivesse se entregando, mas sei que vai além, e muito além disso, afinal, convivi com isto aqui, na minha cabeça, e depois na minha família, especificamente... dentro da minha casa, com alguém que dividia um quarto comigo.

    Hoje sei como a depressão afunda uma pessoa, destrói planos, sonhos, desejos e faz perder a vontade de tudo. Sei como é, sei a dor, o desespero e tudo o que envolve.
    Não estou perto de você, mas adoraria estar, para poder ser sua amiga, assim, de perto, te abraçar e ficar em silêncio, ouvindo o que você precisa, ou sendo seu ombro amigo naqueles dias em que você só quer chorar.

    Senti sua falta no blog, mas isso não compete à mim, mas sim à você.
    Espero que você use este espacinho para desabafar. Não precisa de fotos, nem resenhas ou coisas do tipo. Use este blog, este espaço incrível que você tem, a seu favor! Use para se sentir feliz, para escrever uma, duas ou algumas linhas, e se delicie com um diário, onde você poderá um dia navegar e ver tudo aquilo que você já passou.
    Já senti essa dor e esse desespero, e meu blog me salvou!

    Espero que você fique bem! Espero que se sinta feliz, incrível e irradiante, todos os dias, porque é o que você é! E, tudo bem não se sentir bem sempre, nem eu me sinto (aliás,me sinto péssima quase sempre).

    Te desejo amor, paz, tranquilidade, harmonia e felicidade!
    Que você se encontre, e encontre algo que te deixe feliz!


    Um beijo,
    Jey.

    ResponderExcluir
  2. Fer querida!
    Consigo entender como é difícil essa situação. Passamos aqui na cidade por uma situação onde a depressão custou três mortes e ainda tem pessoas cruéis e frias dizendo que depressão é "não ter nada pra fazer". É triste, mas as pessoas tem que começar a entender o que é e o que significa isso.
    Meu coração tá contigo, quando quiser conversar tu sabe que pode me chamar.
    Tenta te dar um sossego e encontrar um pouquinho de paz para a alma. Se isso significar deixar um pouco do blog de lado, tuas leitoras vão entender. Eu também tive uma fase onde o blog ficou quase um ano sem atualizações frequentes, mas agora que eu melhorei as coisas estão fluindo bem melhor.
    Tenha calma, tudo vai melhorar!
    Beijão

    ResponderExcluir
  3. Bruna,
    Muito obrigada pelas palavras e;
    Não deveria falar que posso te chamar quando quiser, quem já me disse isso certezaaa que se arrependeram hahahaa brincadeira, muito obrigada, de coração pelo carinho.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Jey,
    Sabe que já te considero amiga né? garro amizade fácil hahahaa
    Também sinto falta do blog, amo escrever nele mas anda difícil não apenas pela depressão mas a saúde fisica que tá pedindo socorro...
    Agora vai ficar mais difícil ainda mandar cartinhas porque a prefeitura decidiu alterar as linhas dai o ônibus daqui não vai mais pra onde tem os Correios.
    Menina, eu só penso em dormir ultimamente ahauhaua o sono me dominou total mas assim que a saúde estiver melhor os posts serão mais frequentes.
    Muito obrigada por entender, de verdade.
    Beijo e baraço grandee

    ResponderExcluir
  5. Amiga, apesar de não viver nessas condições eu consigo sentir empatia e imaginar o seu sofrimento. Já te acho corajosa em colocar tudo isso pra fora e eu sei que NÃO É drama. Sinta-se abraçada. Sei que isso não é o suficiente e que na verdade não chega nem perto de uma ajuda =(, mas saiba que estou desse lado daqui torcendo muito por vc.

    Fique bem
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Obrigada Clayci pelas palavras de verdade,
    Eu ainda espero de alguma forma que o que passo ajude as pessoas, não apenas quem tem a mesma doença mas quem ainda hoje não compreende a depressão...
    Abraço grandeeee pra ti também eehehehe
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu acho muito corajoso da sua parte vir aqui compartilhar essa situação pela qual você está passando. Quando me encontro em situação parecida (sim, eu também sofro com esse problema), tento pensar que é uma fase o que de fato está correto, tudo passa inclusive esses momentos de recaída e baixa de energia.
    Acho que a última coisa que queremos ouvir é mais um conselho vazio de quem não entende o problema ou não é capaz de ter empatia.
    Então, nesse momento, sinta-se abraçada e saiba que você vale muito e que a depressão não é você!
    Acho que seria importante falar com o seu médico sobre o assunto, ele pode ajustar a dose do remédio o que poderá te ajudar a sair dessa recaída.
    Aos pouquinhos a gente vai vendo a beleza das coisas novamente! Tenho certeza que essa hora também vai chegar por ai!
    Um beijo!
    Colorindo Nuvens

    ResponderExcluir
  8. Dai,
    Muito obrigada pelo carinho.
    Eu fico surpresa quando conheço outra pessoa com depressão,
    Também fiquei surpresa ao conhecer algumas pessoas que cursam psicologia mas parecem conhecer pouco sabe? é estranho na verdade...
    Conversei com pessoas em um grupo sobre meu tipo de depressão, a Distimia e foi impressionante e incrivelmente parecido e fiquei triste e com medo ao constatar que todos ali se encontram da mesma forma que eu e que não enxergam qualquer perspectiva de melhora, é terrível que ninguém tenha conseguido ajuda praticamente ali.
    Eu não sou de ficar na cama chorando e consigo sair, me divertir, alias é até necessário para mim quando consigo sair.
    Eu não estou fazendo terapia nesse momento pois todas as terapias que tentei as psicologas me falavam que depressão não tinha cura, a ultima me falou até que eu estou acomodada nessa situação e até feliz vivendo assim, dependendo de meus pais, com eles me pagando tudo, de fora claro pode parecer mesmo mas eu bem sei que não é assim...
    Então por isso eu to sem terapia mas se conhecer alguma psicologa boa em SP pode me indicar, agora acho que só por indicação e digo, se a pessoa conhecer e achar boa mesmo rss
    Sabe que, tem vezes que consigo me alegrar, me animo, por exemplo, com a as plantas, quando cuido delas me sinto bem, feliz até, mas dai se elas adoecem já fico mal, não consigo tratar a tempo dai já fico achando que eu não sirvo pra isso e por ai vai...
    Quando saio, quando faço algo, fico pensando que não tá certo viver assim, fico pensando que eu não tenho contato direto com as pessoas e que eu nem sei como é, que eu deveria enfim, uma confusão na cabeça e é isso, travo e fico parada.
    Obrigada de novo, e obrigada pelo abraço rsss
    Na verdade, tudo o que desejamos nessas horas, pelo menos eu é companhia, um balde de pipoca, cinema ou tv em casa, risadas, sabe, algo que nos faça sentir bem .
    Bjs e abraço grandee

    ResponderExcluir
  9. Menina,meus olhos encheram d'água ao ler seu relato,tbm me sinto exatamente assim,parece que fui eu que escrevi...Carrego o mundo nas minhas costas,tudo sou eu,passando por uma fase complicada,que já dura 2 anos,estou tentando de todas as maneiras manter o equilíbrio,a calma,o único motivo pelo qual ainda resta 1%de força,que não me deixa acabar com tudo,é minha filha adolescente,amo muito,sei que se fizesse alguma besteira,ela não suportaria,ela é aquela luz no fim do túnel...as vezes me tranco e choro sozinha,pra aliviar um pouco,faz uns 9 meses que não sei oque é dormir direito,isso só contribuiu pra me deixar pior...desejo que nesse momento tenhamos forças pra passar por isso,na esperança que seja só uma fase,na esperança que tudo um dia melhore,mesmo tendo as minhas dúvidas que isso de fato possa acontecer...força pra vc de coração,vc não esta sozinha...

    ResponderExcluir
  10. Manu,
    Não sei pelo que está passando agora porque nossa vida, nossos problemas são diferentes uns dos outros não é mesmo?
    As vezes eu acho que tenho depressão mais tempo do que possa me lembrar mas todos os dias luto, eu luto nem sei pelo o que.
    Você tem uma filha, converse com ela, não chore escondido, peça ajuda, ela sabe que você não está bem, não tenho vergonha disso.
    Nessas horas precisamos do amor e apoio das pessoas que nos são queridas e isso faz toda a diferença.
    Vamos ter força sim porque sabe, quando é para ser a gente simplesmente vai e se ainda estamos aqui é porque temos muito o que fazer ainda
    Muito obrigada por vir aqui e me contar sobre o que está passando,
    Fique bem, qualquer coisa me chama, estou aqui.
    Bjs

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim,
Comente, discuta,converse, a casa é sua.
Obrigada e volte sempre que quiser.